A China Vistos, como você já sabe, é especializada no processo de obtenção de vistos para a China, conforme seu nome indica. Mas nós podemos te auxiliar até mesmo para obter vistos para outros países! Você sabia? Por isso, neste artigo você descobrirá tudo sobre o processo de obtenção do visto americano. Saiba mais abaixo!

 

visto americano

 

Importância do visto americano para brasileiros

O visto americano é fundamental para que imigrantes brasileiros possam adentrar legalmente nos Estados Unidos e é necessário tanto para turistas como para aqueles que buscam realizar negócios no país, se empregar por lá, estudar em universidades americanas ou mesmo migrar em definitivo, mudando-se para o país.

O vistos americano é obrigatório para todos os brasileiros que queiram entrar no país, independentemente do objetivo final. A procura pelo visto americano de estudante é bem alta, uma vez que os EUA recebem um grande contingente de estudantes internacionais e intercambistas. Na verdade, mais de 800 mil estudantes chegam aos EUA todos os anos. No entanto, você deve saber que os vistos para estudantes e intercambistas são diferentes do visto emitido para turistas.

 

visto americano
Posto de visto para os EUA no Brasil.

 

Se você é brasileiro e vai viajar para os Estados Unidos, confira abaixo o passo a passo resumido de como tirar o seu visto de não imigrante:

  1. Preencher o formulário: Preencha, em inglês, o formulário de solicitação de visto disponível no link: https://ceac.state.gov/genniv/.
  2. Agendar a entrevista: Depois que preencher o formulário, é preciso agendar a entrevista. Para isso, crie uma conta de usuário no site https://ais.usvisa-info.com/pt-br/niv, insira o número de confirmação e siga os passos para o agendamento. No meio do processo será preciso pagar a taxa de solicitação do visto (US$ 160, no caso dos vistos de turismo e negócios). O pagamento pode ser feito por cartão de crédito ou por boleto bancário.
  3. Ir ao Centro de Atendimento aos Solicitantes de Visto (CASV): No dia agendado, vá ao CASV com a confirmação do formulário, o passaporte e o comprovante de pagamento da taxa. Lá, serão recolhidas as impressões digitais e será tirada uma foto.
  4. Ir ao Consulado: No dia da entrevista, é preciso ir ao Consulado ou à Embaixada, levando o passaporte e a página de confirmação do formulário. O passaporte ficará lá.
  5. Esperar o visto: O solicitante receberá o visto em até dez dias úteis após a entrevista. O passaporte será devolvido de acordo com a opção de entrega selecionada ao longo do processo de agendamento. É possível pedir para retirar o documento no CASV ou recebê-lo em casa. A retirada no CASV pode ser feita pelo próprio solicitante, ou por terceiros.

Para mais informações sobre a solicitação de visto, consulte a página http://brazil.usvisa-info.com.

 

Obtenção de visto americano atualmente

 

visto americano

 

Apesar da expectativa de mudança nas políticas de obtenção de visto para o país após a eleição de Donald Trump, o processo de obtenção de vistos para brasileiros continua o mesmo. Deve-se cumprir com as exigências atuais normalmente e valorizá-las, pois há a chance de ser feita uma limitação e burocratização do processo de obtenção do visto americano, segundo especialistas que analisaram o tema após as eleições de 2016.

Todavia, hoje, em 2018, o que podemos dizer sobre o tema é que o governo Donald Trump emitiu um decreto em 27 de janeiro de 2017, que determina que todos os solicitantes de visto devem passar pela entrevista no Consulado (exigida na quarta etapa do processo de obtenção do visto), com exceção de:

  • Pessoas com menos de 14 anos e mais de 79 anos;
  • Solicitantes de vistos diplomáticos e funcionários de governos estrangeiros e organizações internacionais;
  • Solicitantes que anteriormente tinham um visto na mesma categoria e que expirou menos de 12 meses antes do novo pedido.

Quem já tem visto americano, ou de outros países que isentam a exigência do visto americano, não tem que se preocupar, pois não devem acontecer mudanças que afetem esse grupo de pessoas.

 

Informações específicas sobre o processo de obtenção do visto americano

 

visto americano

 

De acordo com as regras consulares, quem deseja solicitar um visto americano deve comparecer em um CASV (Centro de Atendimento aos Solicitantes de Vistos) para tirar uma foto 3×4 e registrar suas digitais e, depois, ir a um dos consulados ou embaixada para realizar uma entrevista.

Requerentes pela primeira vez passam por duas etapas:

  1. Agendar comparecimento pessoal num dos Centros de Atendimento ao Serviço de Visto (CASV) existentes no Brasil: São Paulo, Rio de Janeiro, Recife, Belo Horizonte e Brasília. No dia agendado devem comparecer para deixar digitais registradas e  tirar uma foto digitalizada;
  2. Comparecer no Consulado/Embaixada para entrevista pessoal, a qual deverá ser antecipadamente agendada.

Requerentes em renovação, pertencentes à categoria de “visto a vencer” ou “vencido há menos de 48 meses” (vistos de duração máxima da categoria), emitidos a partir de 1 de julho de 2004 passam só por uma etapa:

Agendar comparecimento pessoal num CASV e comparecer para recolhimento das digitais, foto digitalizada e entrega do passaporte para renovação do visto.

Não será necessário ir ao Consulado, após a análise, se não for requerida diretamente uma entrevista pessoal. Dependerá do requerente ser convocado ou não.

 

Documentação básica para todos os solicitantes – deverá ser apresentada no dia da visita ao consulado:

  • Comprovante de agendamento de entrevista;
  • Passaporte atual com validade mínima de 7 meses – Para saber a validade do passaporte para entrar nos EUA acesse: https://www.cbp.gov/sites/default/files/assets/documents/2016-Jul/Six-Month%20Club%20Update%20_062016.pdf;
  • Passaporte anterior vencido (todos que possuírem);
  • Confirmação de preenchimento online do formulário modelo DS 160, com foto digitalizada;
  • Confirmação de agendamento e de pagamento da taxa consular, realizada eletronicamente;
  • Passaporte de suporte original (parentes ou amigos que estejam viajando com o solicitante e já possuam visto americano válido);
  • Passaportes originais com visto válido de parentes em primeiro grau (pai, mãe, irmãos, esposo(a), filhos), mesmo que não estejam viajando com o requerente, mas que já possuam visto válido;
  • Extratos bancários atualizados dos 3 últimos meses (conta corrente / poupança / investimentos / fundos);
  • Declaração de Imposto de Renda completa com recibo de entrega original, do último exercício;
  • Registro de imóveis ou escrituras de imóveis (se possuir);
  • Certificado de registro de veículo do solicitante ou da família-pais/esposo(a);
  • Carteira funcional (CRM, OAB, CRC, CREA, se possuir);
  • Se empregado, acrescentar: 3 últimos holerites + carteira de trabalho original atualizada;
  • Se empregador, acrescentar: 3 últimos pró-labores + contrato social e última alteração contratual + Cartão CNPJ + I.R. pessoa jurídica completo;
  • Se autônomo, acrescentar: declaração da empresa em papel timbrado, informando que o passageiro presta serviços, incluindo dados da função, período e valor recebido mensalmente + declaração do contador, informando os três últimos rendimentos/DECORE + contrato de prestação de serviços;
  • Se aposentado/pensionista, acrescentar: 03 últimos contra-cheques de aposentadoria e/ou pensão;
  • Se proprietários de imóveis, acrescentar: contrato de aluguel + recibos dos três últimos meses;
  • Estudantes menores/dependentes: todos os documentos de renda dos pais + comprovante escolar (declaração escolar e/ou 3 últimos comprovantes de pagamento);
  • Estudantes maiores: documentos de renda próprios, se possuir e/ou dos pais + declaração de suporte financeiro dos pais + comprovante escolar (declaração escolar e/ou 3 últimos comprovantes de pagamento).

 

VIAGENS A NEGÓCIOS, FEIRAS, CONGRESSOS, TREINAMENTOS, EVENTOS (vistos de categoria B1 ou B1/B2):
Documentação básica:
  • Declaração da empresa do Brasil em papel timbrado, apresentando o colaborador, explicando os motivos da viagem e se responsabilizando pela mesma;
  • Carta convite da empresa nos Estados Unidos em papel timbrado(original ou via e-mail, assinado e legível) ou comprovante de inscrição em evento e/ou quaisquer outros documentos que comprovem o motivo da viagem aos EUA.

 

VIAGENS EM TRÂNSITO (visto categoria C1):
Documentação básica:
  • Passaporte com validade mínima de 06 meses, com o visto para o país de destino final, quando necessário;
  • Confirmação de preenchimento/envio do formulário modelo DS 160 com foto digitalizada;
  • Confirmação de agendamento e pagamento da taxa consular, eletronicamente;
  • Bilhete aéreo;
  • Se possuir algum documento de renda no Brasil, de acordo com a relação descrita em Documentação básica, também deverá apresentar.

 

VIAGENS À ESTUDOS/INTERCÂMBIO (vistos categorias F1 ou J1):
Documentação básica:
  • Documentação básica de turismo própria e/ou dos pais, quando menor ou dependente;
  • Comprovante de pagamento da Taxa SEVIS* (realizada pelo aluno ou pela escola através do site: www.fmjfee.com);
  • Petição vinda da escola dos EUA: I-20 ou DS 2019 original.

 

Observações importantes referentes ao visto de estudos (Categorias F / M ou J):

  • Todos os solicitantes destas categorias de visto deverão ter seus dados inclusos em um banco de dados, a escola ou empresa é que deverá passar os dados referente ao tipo de solicitação desejada, mais o nome do solicitante. Existe uma taxa a ser recolhida (SEVIS), no valor de US$ 35,00 (J1-au pair) ou US$ 200,00 (demais cursos=vistos J1 ou F1).
  • Saiba que as regras do Departamento de Segurança Interna dos EUA estabelecem que os solicitantes a visto de não-imigrante – F, M ou J – não terão seus vistos emitidos, a não ser que sejam registrados pela escola no Sistema de Registro de Segurança Interna, chamado SEVIS. Estudantes solicitando os vistos F-1, F-2, M-1 e M-2 pela primeira vez podem ter seus vistos emitidos em até 120 dias antes do início do seu programa acadêmico de estudos (ao invés de em até 90 dias, como era no regulamento anterior). Solicitantes a visto J-1 e J-2 podem ter seus vistos emitidos a qualquer dia antes do início dos seus programas de intercâmbio.
  • Além disso, os portadores de vistos F, M ou J não serão admitidos nos EUA mais de trinta dias antes do início de seu programa, conforme o que tenha sido preenchido em seu formulário I-20 (para os vistos F ou M) ou DS-2019 (para os vistos J). Favor levar em consideração essa data ao fazer seus planos de viagem para os Estados Unidos. Por exemplo, se seu programa tiver início em 1º de maio, você só poderá entrar nos Estados Unidos a partir de 2 de abril.

 

VIAGENS A TRABALHO ( vistos categorias H1B ou L1):
Documentação básica:
  • Petição de trabalho, Notice of Action ou Blanket Petition, completa; fornecido pela Imigração dos EUA (original);
  • Desde 08 de março de 2005, todos os solicitantes do visto L1, utilizando o BLANKET PETITION devem efetuar o pagamento de US$ 500,00.

 

VISA WAIVER PROGRAM (VWP) – Programa de isenção de vistos de entrada nos EUA

 

O Visa Waiver Program é dusburocratizador

 

O programa criado pelo Governo Americano se aplica a viagens a turismo e a negócios. Serve para cidadãos de 36 nacionalidades, que possuam passaportes dentro das exigências americanas:

Os países participantes são: Alemanha, Andorra, Austrália, Áustria, Bélgica, Brunei, Chile, Dinamarca, Eslovênia, Espanha, Finlândia, França, Grécia, Holanda (Paises Baixo), Irlanda, Islândia, Itália, Japão, Liechtenstein, Luxemburgo, Mônaco, Noruega, Nova Zelândia, Portugal, Reino Unido, San Marino, Singapura, Suécia, Suíça, Coréia do sul, Estônia, Eslováquia, Hungria, Letônia, Lituânia, Malta, República Tcheca e Taiwan/Taipei.

 

EXIGÊNCIAS AOS VIAJANTES DOS PAÍSES PARTICIPANTES DO VWP: 
Conforme o VWP, para entrar nos EUA os visitantes dos países participantes precisam:
  • Ser cidadãos de um país do Programa de Isenção de Vistos;
  • Ter um passaporte de leitura ótica. Dependendo da data de emissão do passaporte, outros requisitos devem ser observados:
  1. Passaporte de leitura ótica emitidos / Fotografia digitalizada / renovados / extendidos antes de 26/10/2005 – não exigem novos requisitos;
  2. Passaportes de leitura ótica emitidos / renovados / extendidos entre 26/10/2005 e 25/10/2006 devem possuir fotografia digital na página de dados biográficos ou um chip integrado com as informações da página dos dados;
  3. Passaportes de leitura ótica emitidos / renovados / extendidos em ou após 26/10/2006 devem conter um chip integrado com as informações da página dos dados.
  • Estar buscando ingresso aos EUA para permanência de 90 dias ou menos, na qualidade de visitante temporário para negócios ou lazer. Você não terá permissão para estender sua visita ou trocar seu visto por um de outra categoria;
  • Ter passagem de ida e volta emitida por empresa aérea ou marítima que tenha acordo com o governo dos EUA para participar do VWP, devendo chegar ao país a bordo de aeronave/navio dessa empresa;
  • Não ter registro de recusa de concessão de vistos. Isso significa que se você tiver tido o visto negado anteriormente ou não se qualificar para o visto, não poderá viajar pelo Programa de Isenção de Vistos sem um visto de entrada;
  • Possuir autorização ESTA:
  1. O que é o ESTA? O Sistema Eletrônico para Autorização de Viagem (ESTA) é um sistema novo online, completamente automático, para inspeção de passageiros antes que eles iniciem a viagem para os Estados Unidos pelo Programa de Isenção de Vistos. O ESTA solicitará aos candidatos que forneçam ao Serviço de Alfândega e Proteção de Fronteiras do Departamento de Segurança Interna (DHS) informações biográficas básicas e sobre qualificação ao Programa de Isenção de Vistos. Essas informações permitirão às autoridades americanas determinar, antes da viagem do candidato, se ele está qualificado para viajar pelo Programa de Isenção de Vistos.
  2. Como solicitar autorização para viajar pelo programa ESTA? Através do site: https://esta.cbp.dhs.gov/
  3. Por quanto tempo a autorização ESTA é válida? Uma autorização de viagem aprovada por meio do ESTA é válida, a não ser que seja revogada, por até dois anos ou até que o passaporte do viajante expire, o que ocorrer primeiro. A autorização também é válida para várias entradas nos EUA. À medida que as futuras viagens forem planejadas, ou se os endereços de destino ou os itinerários de um solicitante forem alterados após a autorização ter sido aprovada, essas informações poderão ser facilmente atualizadas por meio do site do ESTA.
  4. O número de autorização ESTA garante entrada nos Estados Unidos? Não, uma autorização de viagem ESTA aprovada não é garantia de admissão em um ponto de ingresso dos Estados Unidos. A aprovação ESTA apenas autoriza o viajante a embarcar em um meio de transporte rumo ao país, nos termos do VWP. Os inspetores da Alfândega e da Proteção de Fronteiras do ponto de ingresso determinam se o viajante será admitido nos EUA.
  5. Desde setembro de 2010, requisição de ESTA tem taxas administrativas governamentais americanas que devem ser pagas no próprio site, com cartão de crédito do requerente e custam atualmente US$ 14,00 para solicitações autorizadas ou US$ 4,00 para solicitações recusadas.

 

Auxílio amplo da China Vistos

A China Vistos presta serviço de assessoria completa aos requerentes de qualquer tipo de visto através das seguintes atividades:

  • Fornecimento de informações completas e corretas;
  • Recolhimento das taxas consulares;
  • Digitação dos formulários de acordo com as regras consulares;
  • Agendamento da entrevista;
  • Análise e organização dos documentos necessários para entrevista pessoal.

 

TUDO DE FORMA ÁGIL, PERSONALIZADA E EFICIENTE!

 

Se você tiver interesse em saber mais sobre os vistos para o Japão, o Taiwan, a Índia, os Emirados Árabes Unidos, e, é claro, para a China, não deixe de conferir nossos artigos!

Pronto para obter seu visto americano e ir aos EUA? Nossos serviços vão para além da China! A China Vistos te auxilia do início ao fim! Entre em contato conosco e aproveite nossos serviços!

Gostou deste conteúdo? Continue conosco também no Facebook!

 

Por Rafael Queiroz Alves

Fontes: China Vistos, Blog da China Vistos, Visite os USA, G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *