Como você, leitor do blog, bem sabe, a China Vistos não só te informa sobre eventos artísticos, pontos turísticos e explica a cultura chinesa, mas também apresenta província por província da China para passar panoramas gerais da realidade chinesa e possibilitar que você, ao programar sua viagem ou visitar o gigante asiático, tenha todas as opções e informações sobre turismo no país. Desta vez, vamos falar sobre a província de Shaanxi, que tem, em sua capital, pontos turísticos históricos.

 

Shaanxi

 

Shaanxi ou Shanxi?

A prática habitual de retirar os acentos utilizados em pinyin para indicar os tons leva as províncias de Shǎnxī e Shānxī a parecerem que têm o mesmo nome: Shanxi. Entretanto, quem estuda o mandarim sabe que palavras com caracteres iguais, mas com tons diferentes, possuem significados diferentes. Então não confunda Shaanxi com Shanxi! São duas províncias diferentes. Para distinguir as duas províncias vizinhas, utiliza-se, então, a transliteração Shaanxi para a província de Shǎnxī e a transliteração Shanxi para a província de Shānxī. Por outro lado, a transliteração utilizada em obras como o Dicionário Enciclopédico Luso-Brasileiro Lello Universal é, respectivamente, Xianxim e Xanxim.

 

Características de Shaanxi

 

Shaanxi
Centro de Recursos de Ciência e Tecnologia de Shaanxi

 

Shaanxi (abreviada como 陕/陝 ou 秦) é uma província da República Popular da China. Possui uma área de 205.800 km², uma população de, aproximadamente, 37 milhões de habitantes e uma densidade de 180 hab/km².  Sua capital é Xian.

Os setores de combustíveis fósseis e de alta tecnologia compõem as duas maiores indústrias da província de Shaanxi. Durante 2009, a província ficou em terceiro lugar na China para a produção de carvão, gás natural e petróleo bruto. É o lar de várias das principais universidades e institutos de pesquisa da China Ocidental e, sendo assim, desempenha um papel importante nas crescentes indústrias aeronáutica e aeroespacial da China, produzindo mais de 50% dos equipamentos de P&D e fabricação para a indústria aérea comercial do país. O PIB nominal para 2011 foi de 1.239 bilhões RMB (equivalentes a US$ 196,7 bilhões) e o PIB per capita foi de 21.729 RMB (equivalentes a US$ 3.179), ocupando, nesse quesito, o 17º lugar entre as províncias da República Popular da China.

Shaanxi é uma província de valor estratégico por causa de suas zonas de desenvolvimento econômico e tecnológico. A província possui, instaladas em seu território, zonas de desenvolvimento industrial (hi-tech), processamento de exportação, desenvolvimento econômico-tecnológico, agricultura hi-tech e até um parque de softwares. As zonas são aprovadas pelo Conselho de Estado e, contudo, recebem incentivos do governo chinês para funcionar.

Guerreiros e Cavalos de Terracota

 

Shaanxi
O Exército de Terracota é um dos maiores pontos turísticos da China

 

O maior ponto turístico de Shaanxi é, sem dúvida, o Exército de Terracota (“terracota” é um material constituído por argila cozida no forno sem ser vitrificada). Esse, com certeza, é o maior motivo para visitar a província de Shaanxi e, talvez, seja o destino turístico mais exótico do país! Esse “exército” se constitui de, nada mais e nada menos, uma coleção de esculturas de terracota representando os exércitos de Qin Shi Huang, o primeiro imperador da China (da dinastia Qin). É uma forma de arte funerária enterrada com o imperador em 210-209 a.C. e cuja finalidade era proteger o governante chinês em sua vida após a morte. Seu túmulo é tão importante como as Pirâmides de Giza e o Taj Mahal e é, desde 1987, um Patrimônio Mundial da UNESCO. Este ponto turístico maravilhoso fica localizado na capital da província: Xian.

Qin Shihuangdi, obcecado com sua própria grandeza, começou a construir seu mausoléu logo que entronado, no ano 246 AC, com apenas 13 anos de idade. Como parte da crença, ele aspirava levar com ele, no momento de deixar a vida terrena, tudo que fosse importante. Para ele, o principal era seu exército. Quando morreu, em 210 AC, com 49 anos, toda uma hoste de guerreiros em terracota, em tamanho original, acompanhou-o para a seguinte vida. Mais de 700 mil pessoas trabalharam para montar sua majestosa tumba.

 

Shaanxi

 

Fascinante é o fato que o lugar, Qin Ling, a 30 km a leste de Xi’an, só tenha sido descoberto 22 séculos depois de construído. Em março de 1974, um camponês que furava um poço encontrou um pedaço de cerâmica. Com receio de ter feito algo errado, preferiu chamar as autoridades. Em seguida, chegaram os arqueólogos, sem muitas pretensões. Mas quando ampliaram suas buscas, eles ficaram atônitos: guerreiros e cavalos passaram a brotar da terra dia após dia. Se não fosse o poço do camponês, esses tesouros poderiam ainda estar embaixo da terra.

Originalmente, os soldados portavam armas verdadeiras, como arcos, flechas, espadas e lanças. Os artefatos de madeira não chegaram aos nossos dias, mas os de bronze e outras ligas, foram desenterrados em perfeito estado. Os cavalos em terracota, também em tamanho original, parecem estar vivos e suas bocas abertas sugerem relinchos. Arqueólogos consideram que, se totalmente escavada, essa primeira fossa desvendaria cerca de 6 mil guerreiros, 160 cavalos e 40 carros de guerra.

 

Muralha da Cidade de Xian

Esse é o segundo maior ponto turístico da província de Shaanxi. A muralha é uma fortificação na cidade de Xian. Representa uma das muralhas mais antigas e mais bem preservadas pelas cidades chinesas (é o que todos os turistas dizem quando visitam o local). O muro foi construído no final do século XIV, sobre uma estrutura que já existia, construída por Zhu Yuanzhang, o primeiro imperador da Dinastia Ming, sob a orientação de um eremita que lhe disse para “construiu muros altos, lojas abundantes de suprimentos e comida e ter tempo para ser um imperador“, de modo que ele pudesse fortificar a cidade e unificar os outros estados.

 

Shaanxi

 

Foi com a construção da muralha que a cidade de Xian foi criada e constituiu a capital da província. A cidade tem mais de 3.100 anos de história e era conhecida como Chang’an até a Dinastia Ming. A primeira muralha da cidade de Xian começou a ser erguida em 194 a.C. e levou quatro anos para terminar. Após a conclusão, a parede media 25,7 quilômetros de comprimento e 12 a 16 metros de espessura na base, fechando uma área de 36 quilômetros quadrados; era, basicamente constituída de uma mistura de argila, cal viva e extrato de arroz glutinoso.

 

E então, ficou a fim de visitar Shaanxi? Que tal aproveitar sua próxima viagem à China para dar uma passada por lá? A China Vistos te auxilia do início ao fim! Entre em contato conosco e aproveite nossos serviços!

Gostou deste conteúdo? Continue conosco também no Facebook!

 

Por Rafael Queiroz Alves

Fontes: Web Archive, Governo Chinês, Trip Advisor, Revista Época, Magnus Mundi

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *