A resposta é: não. Nem Netflix, nem Facebook, nem WhatsApp, nem Instagram, nem LinkedIn, nem Google em geral. Dificilmente você e um chinês terão muitos filmes e séries em comum como é usual com pessoas de outros países do mundo. Os chineses, com raras exceções, não conhecem títulos famosíssimos para nós e o resto do ocidente, como “Black Mirror”.

Normalmente eles conhecem apenas filmes muito clássicos e muitos populares. Essa distância cultural de entretenimento vem diminuindo dia-a-dia com a expansão do K-pop pelo mundo e pela chegada à China de interesses multinacionais. Um exemplo dessas interferências estrangeiras é o parque de diversões vertical que será inaugurado pelo estúdio Lionsgate, uma evidência da popularidade de filmes ocidentais, como Jogos Vorazes, na China.

Aplicativos populares

Tudo que você possa imaginar que exista pra vender no mundo está disponível no site Taobao. Os chineses compram tudo por lá, desde livros a roupas – e um paraíso de gadgets. Para melhor entendimento ocidental, seria o eBay americano. É o maior site de compras da China e os chineses o utilizam em massa diariamente.

Página inicial do Taobao.

 

Um outro aplicativo extremamente popular e com milhões de usos possíveis que facilitam sua vida em todos os aspectos é o WeChat. Todo seu contato online com os chineses provavelmente acontecerá através dessa plataforma. O app possui elementos do Facebook, juntamente com WhatsApp e ainda um método de pagamento genial chamado WePay. Em todo tipo de comércio é comum encontrar QR Codes em plaquinhas pendurados, para que o pagamento seja realizado via WePay.

Censura

Muitos dos sites e aplicativos ocidentais são proibidos na internet chinesa por causa da censura do governo chinês. Temas muito delicados como política, religião, homossexualidade, etc também não são publicados online.

Dicas para viajantes

Para não perder a comunicação com seus amigos e parentes no Brasil você tem duas opções. A primeira é avisar a todos que baixem um WeChat para que possam conversar com você. Nessa opção você ainda ficaria sem ver seus e-mails, redes sociais e a maioria dos sites ocidentais.

A única solução para isso é baixar um aplicativo de VPN para o seu celular. Esse aplicativo faz com que o celular utilize servidores de internet de outros países do mundo, driblando assim as proibições da internet na China.

 

Por Mariana Madrigali

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *