Você sabia que a maior fonte de renda para a balança comercial chinesa é a prática de exportação de notebooks/computadores? Segundo o Observatório de Complexidade Econômica do MIT (Massachusetts Institute of Technology), a venda de computadores chineses representa a maior fonte de renda da China e, dado o valor agregado nesses produtos, permite que a economia chinesa cresça tanto. Entenda melhor e conheça as empresas envolvidas nos processos e, quem sabe, este artigo não pode te ajudar a decidir qual será o seu próximo computador?

 

Computadores chineses

Abaixo apresentaremos as três maiores fabricantes de computadores chineses. Também, a leitura deste artigo pode te auxiliar a compreender o imenso crescimento econômico chinês, que parece nunca parar, além do setor de tecnologia da China.

 

Computadores chineses

 

Lenovo

Você, brasileiro, com certeza já viu muitos notebooks Lenovo por aí, não? Seja na casa de algum amigo, em lan houses, em lojas e estabelecimentos, à venda etc. Talvez você mesmo seja dono de um dispositivo Lenovo e nem sabia que a marca é chinesa; mas agora fique sabendo que, sim, a empresa é do Dragão Asiático.

A multinacional foi fundada em 1984 em Pequim (embora só tenha passado a existir de fato quando se articulou em Hong Kong), representando o processo de abertura mercadológica chinesa (aderência ao mercado internacional) e de industrialização doméstica. A empresa fabrica computadores chineses, servidores, tablets, netbooks, periféricos, impressoras, televisores, scanners, HDs, celulares e outros. A Lenovo opera em mais de 60 países e vende seus produtos em cerca de 160 países. É a fabricante de computadores chineses mais bem consolidada no Brasil, pelo que se pode perceber claramente ao visualizar a predominância de seus produtos no mercado..

 

computadores chineses
Lenovo Yoga 920 – um dos melhores notebooks da empresa na atualidade

 

Alguns eventos marcantes envolvendo a empresa: determinou que sua sede seria na Carolina do Norte, nos EUA; em 2005, a Lenovo comprou a Divisão de PCs da IBM; chegou a comprar a CCE em 2012, embora tenha sido posteriormente comprada novamente pelos antigos donos brasileiros (família Sverner); e tem uma unidade de produção no Brasil, em Indaiatuba.

Segundo a IDC (International Data Corporation), foi considerada em 2014 a maior fabricante de computadores e notebooks e desktops do mundo, tendo vendido 16,049 milhões de unidades (19,9% do total que foi comercializado internacionalmente). Em 2017, a Lenovo foi eleita a marca chinesa com maior presença global, segundo o ranking BrandZ.

 

Xiaomi

 

O Xiaomi Air vem ganhando imenso destaque entre os consumidores de tecnologia atualizados
Mi Notebook Air é o melhor notebook da Xiaomi em 2018

 

Fundada em abril de 2010, a Xiaomi Inc. é uma empresa chinesa de produtos eletrônicos com sede em Pequim, na China. A empresa é uma produtora de destaque de computadores chineses, embora seu maior potencial esteja na fabricação de smartphones.

Em 2015, a Xiaomi, gigante do mundo dos celulares, chegou ao Brasil por meio de parcerias. Atualmente, no Brasil, é liderada por Hugo Barra, brasileiro que já teve passagem pela Google e ajudou a desenvolver o sistema operacional Android. A Xiaomi estreou no Brasil em julho de 2015 com o smartphone Redmi 2, vendido com um dos preços mais competitivos do mercado nacional. Hoje, é uma das empresas que mais crescem no mundo na venda de smartphones.

É a terceira maior distribuidora de smartphones do mundo (seguido pela Lenovo e LG em quarto e quinto lugar, respectivamente), projeta, desenvolve e vende celulares, aplicativos móveis e eletrônicos de consumo. A Xiaomi também se tornou o maior fornecedor de smartphones do mundo em 2014, tendo ultrapassado a Samsung, de acordo com um relatório da IDC. Em 2017, a Xiaomi foi eleita pelo ranking BrandZ como a 5ª marca chinesa com maior presença global, atrás da Lenovo, Huawei, Alibaba e Elex Tech.

 

Huawei

 

computadores chineses
O Matebook X da Huawei vem se mostrando um dos notebooks mais potentes da atualidade

 

Já temos um artigo sobre a Huawei (você pode lê-lo clicando aqui), mas aqui, no presente texto, abordaremos a produção de notebooks pela empresa. No texto mencionado focamos na produção de smartphones pela empresa.

Maior multinacional de telecomunicações e equipamentos para redes do mundo, a chinesa Huawei é uma das grandes desenvolvedoras de tecnologias como 4G e 5G. Com produtos e serviços espalhados em mais de 140 países, a empresa também produz smartphones e, nos últimos anos, só tem apresentado crescimento.

Você pode comprar os notebooks da Xiaomi e, principalmente, da Huawei através do site Gearbest, pois as empresas ainda não se instalaram tão perfeitamente quanto a Lenovo aqui no Brasil. Trata-se de um website similar ao Aliexpress. Entretanto, a Gearbest é recomendada por especialistas em comercialização com a China quando o assunto é o de computadores chineses, pois, de fato, os comerciantes que distribuem produtos do gênero têm maior presença no website e, lá, você terá mais opções. Clique aqui para visitar o Gearbest. O Aliexpress, no entanto, não deixa, também, de ser uma opção válida para procurar por computadores chineses.

 

Interessou-se pelos computadores chineses? Já pensou em comprar pessoalmente algum desses diretamente na China? Então entre em contato com a China Vistos e prepare-se para embarcar em uma viagem inesquecível para esse país fascinante.

Gostou deste conteúdo? Continue conosco também no Facebook!

 

Por Rafael Queiroz Alves

Fontes: Lenovo, Tecmundo, Forbes, Kantar, Xiaomi, Huawei

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *