Como já abordado em outros artigos do nosso blog, o chá é uma bebida de grande importância cultural na China por ser uma bebida diária. As casas de chá estão espalhadas pelo país desde antes de Cristo e a bebida conquistou outros povos, como os britânicos.

História do chá

A história do chá chinês é uma história de paixão e refinamento. Os métodos de preparo e bebida do chá levaram séculos para serem desenvolvidos pelos chineses. O chá começou como uma bebida para o imperador e hoje é uma das tradições chineses mais amadas no mundo.

A história da 3ª bebida não-alcoólica mais popular do mundo data dos tempos mais antigos da história chinesa, com o legendário imperador Shennong, que foi o responsável pelo hábito de se ferver a água antes de consumi-la, o que mais tarde levou à invenção do chá.  

Your Cup Of Life: History of tea: China
Imperador Shennong, conhecido como um sábio agricultor (seu nome significa “Divino Agricultor”).

A lenda da primeira xícara de chá

A lenda da primeira xícara de chá se passa em um dia de verão, quando o imperador Shennong e sua equipe pararam para descansar durante uma longa viagem. Os serventes começaram a ferver a água para bebê-la e havia uma substância marrom dissolvida na água.

Como curioso e sábio, o imperador ficou curioso e experimentou a bebida. Shennong acabou gostando daquela bebida, achou-a refrescante, e o chá foi criado em 2737 a.C. As erva que originam os primeiros chás chineses crescem naturalmente nas províncias de Yunnan e Sichuan.

Popularização do chá

Ao longo dos anos as simples infusão de folhas na água quente foram se aperfeiçoando até as técnicas de produção e cura que temos hoje. Foi apenas na dinastia Han, entre 206 a.C. e 220 d.C., os chineses começaram a usar o chá como uma bebida medicinal energética.

A bebida era cara e disponível apenas para uma minoria (como o imperador e outros nobres) e se popularizou apenas da dinastia Tang (618 a 907 d.C.), quando se incorporou ao cotidiano dos chineses. Neste ponto, o chá já tinha deixado de ser uma bebida nobre e se tornou um costume entre família e amigos

History of Tea - Origin of Tea | Teasenz

Hoje o chá é a segunda bebida mais consumida na China, atrás apenas da água. 

Hábito diário

O consumo de chá nas cidades chineses é feito pela manhã. Sozinhos ou acompanhados, os chineses tomam seus chás em casas de chá, onde o preço do chá muda dependendo do período do dia, sendo mais barato pela manhã. Em cidades como Hong Kong, as casas de chá estão espalhadas por todo lugar.

Ao visitar a casa de um chinês, sempre faça um gesto de agradecimento ao receber o chá. Um gesto interessante para agradecer o chá é bater os dedos indicador e médio levemente na mesa.

Turismo de chá

Tanto os amantes da cultura chinesa quanto os turistas em geral se encantam ao conhecer a cultura do chá do país. Ao visitar Pequim, é possível conhecer antigas casas de chá e conhecer todo a cerimônia do chá ao vivo, com uma demonstração explicada. Experimentar os principais chás chineses também faz parte da bebida. A visita inclui muito aprendizado e uma experiência cultural para se levar para a vida toda.

Beijing's Lao She Teahouse - Yahoo Image Search results
Lao She, uma das casas de chá mais populares de Pequim.

Caso queira trazer um pouco do sabor do chá chinês com você, é possível encontrar as ervas para vender em praticamente qualquer comércio em qualquer lugar do país. A faixa de preço varia bastante, principalmente em grandes mercados onde é preciso pechinchar. Algumas regiões do país têm seus chás típicos. Conheça algumas abaixo:

  • Suzhou, Hangzhou e Huangshan, são ideais para conhecer a cultura do chá verde.
  • Quanzhou é onde você encontra chá Oolong e de flor.
  • Wuhan é a capital do chá Amarelo.
  • Entre outras.

 

Por Mariana Madrigali

Fonte: China Highlights, China Culture

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *