A flor de lótus está presente em diversos âmbitos da cultura chinesa: ela pode ser usada de maneira terapêutica, na culinária chinesa e também é cercada de misticismo e espiritualidade. A cultura chinesa é extremamente antiga: seu grande império teve início em 221 a.C., mas antes disso já existiam outros estados e dinastias.

 

Conheça mais sobre essa planta aquática, que floresce sobre a água e se esconde fechada na água quando o sol desparece.

 

Símbolo

A flor de lótus tem grande importância na religião budista, uma das principais crenças chinesas. No budismo, a flor aberta, com seus 8 pétalas, simboliza o florescer após desenvolver as virtudes de Buda. Ela simboliza sabedoria, sensualidade, nascimento, energia, fertilidade, perfeição, pureza, prosperidade e sexualidade. Além disso, suas 8 pétalas simbolizam as direções do universo, um símbolo de harmonia cósmica muito presente em desenhos harmônicos como as mandalas.

 

Essa flor aparece também nas culturas egípcias e indianas. Para os hindus, ela significa beleza interior; para os egípcios, ela simboliza o nascimento e renascimento (ela abre e fecha sua pétalas, conforme o movimento do sol) e também é considerada sagrada e mágica.

 

Significado de cada cor

As flores rosas representam Buda;

 

as brancas, pureza, espírito e mente;

as amarelas, energia e felicidade;

as azuis, conhecimento

e as vermelhas, amor.

 

Curiosidades

Suas sementes são incríveis provas de resistência e perseverança: elas podem ficar até 5 mil anos ,sem água esperando as condições ideais para germinar.

Ela é a única planta que controla sua própria temperatura.

A pose usual para a meditação (pernas cruzadas, coluna reta e mãos apoiadas sobre o joelho), é chamada flor de lótus.

Os egípcios acreditavam que a flor de lótus azul tinha poderes afrodisíacos.

Em chinês, flor de lótus se pronuncia “Lianhua”, e se escreve  莲花.

Na culinária chinesa ela aparece diversas vezes, comendo-se inclusive seu “miolo”, empanado ou em conserva bem picante.

Miolo de flor de lótus.

 

Por Mariana Madrigali

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *